Sobre o Pró Vida

CONHEÇA O CONSELHO ARQUIDIOCESANO PRÓ-VIDA:

O arcebispo

metropolitano de Belo Horizonte, Dom Walmor Oliveira de Azevedo, como resposta aos

horizontes delineados pela Campanha da Fraternidade 2008, “Fraternidade e Vida”, institui o

“CONSELHO ARQUIDIOCESANO PRÓ-VIDA” , garantindo à Arquidiocese de Belo Horizonte uma

participação efetiva e uma contribuição mais determinante nos cenários em que a vida é

desafiada e precisa de forças para sua defesa e promoção integral efetiva.

Assim,

será possível apoiar e consolidar projetos, fortalecendo iniciativas eclesiais e cooperando

com aquelas suportadas por outros segmentos da sociedade em defesa da

vida.

NATUREZA DO CONSELHO ARQUIDIOCESANO PRÓ-VIDA:

O

Conselho Arquidiocesano Pró-Vida é um organismo de assessoramento à Arquidiocese de Belo

Horizonte, constituído por especialistas de diversos ramos do saber, comprometidos em

compartilhar com as diversas instâncias da sociedade, os valores cristãos que dizem respeito

à dignidade da vida humana desde a sua concepção até o seu ocaso

natural.

PRINCIPAIS OBJETIVOS E ATRIBUIÇÕES:

O principal

objetivo do Conselho Arquidiocesano Pró-Vida é o de estudar as questões relacionadas com a

dignidade da vida, suscitadas pelo avanço das ciências e pela implementação de políticas

governamentais e que requerem o esclarecimento da teologia e da doutrina cristã católica;

bem como opinar e propor sobre matérias bioéticas controversas, tais como a utilização de

células-tronco, a eutanásia e a distanásia, o aborto, a anencefalia e outros temas

pertinentes que dizem respeito à preservação da dignidade do ser

humano.

COMPOSIÇÃO DO CONSELHO ARQUIDIOCESANO PRÓ-VIDA:

Fazem

parte do Conselho Arquidiocesano Pró-Vida, a convite do Arcebispo de Belo

Horizonte:

a) Representantes do Núcleo de bioética da PUC

Minas.

b) Representantes do Núcleo de Estudos Sociopolíticos da

Arquidiocese de Belo Horizonte.

c) O Vigário Episcopal para a

Comunicação e Cultura.

d) O Vigário Episcopal para a Ação Social e

Política.

e) Peritos e Consultores, nacionais e internacionais, nas

seguintes áreas: Ciências Humanas e Sociais, Ciências Jurídicas, Ciências Biomédicas,

Ciências filosófico-teológicas.

  1. Nenhum comentário ainda.
(não será publicado)

  1. Sem citações ainda.